Provavelmente você não saiba, mas em setembro deste ano, o Per Raps completa 10 anos. Isso mesmo, 10 anos! Passou rápido e olhando pra trás a gente sente que fez bastante coisa, mas temos certeza de que ainda tem muito mais pra fazer.

Se você não tem acompanhado essa nova etapa do blog, ainda não sabe que temos funcionado com especiais do mês. Nele, a equipe do Per Raps promove um mergulho em algum tema. Em agosto, decidimos falar do ano de 1998 e seus lançamentos que ditaram a sonoridade dos próximos anos e que marcaram época com discos como The Miseducation of Lauryn Hill. Se ficou curioso, procure a tag #especialPR1998 no blog.

Mas a página virou e o tema da vez será a década do nosso aniversário, ou seja, 2008 a 2018. Muita coisa aconteceu, como o nascimento e a consolidação da cena de beatmakers de Curitiba, que nos revelou nomes como Nave e Laudz, assim como o aniversário de um disco icônico, o Non Ducor Duco, do Kamau, que também nasceu em 2008.

Além disso tudo, vamos falar do fenômeno que é o rap do Distrito Federal, falando de grupos que nunca passaram pelo Per Raps, como o Hungria e o Tribo da Periferia, sem deixar de ressaltar o ícone Gog e de falar do The Roots brasileiro, o Ataque Beliz. Também vai ter espaço para olhar com carinho e respeito para a ascensão das minas no rap, assim como termos um olhar especial desde o hype do freestyle aos cyphers e reacts que até já estão saindo de moda.

Queremos olhar para o advento das playlists na nossa vida, que mudaram o jeito de ouvir música, principalmente pra quem veio de uma época em que o que era quente era baixar mp3 na web. Em plena época de eleições, vamos olhar também para o momento em que as rimas de protesto começaram a dividir espaço com rimas bem reaça. A gente ainda lamenta isso, mas precisamos falar desse assunto pra que nunca mais se repita. Fica ligado que eles querem te arrastar!

A gente queria muito saber se você está curtindo esse formato. Se sim, chama a gente no Twitter e dá uma ideia. Pode ser no Instagram ou Facebook também, o que importa é rolar ideia. Falando em Facebook, a gente em breve vai ter um grupo de troca de ideias dentro da rede do Zuckerberg. Mas esquenta não que a gente divide o link contigo em breve.

Então prepare-se, pois o aniversariante é o Per Raps, mas quem ganha presente é você leitor, que sempre esteve com a gente, nos bons momentos e naqueles de várzea, em que mal rolava postar textos no blog. E um salve aos novos leitores também, só colar que a casa é sua também. Nóis!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 − nove =