Max B.O. canta “Saudades da Minha Terra”

#session

Navegando pela web vimos o vídeo do Max B.O. com banda rimando em um som inspirado em uma canção sertaneja. Apesar de conhecermos a versatilidade do MC, ficamos intrigados em saber o motivo da escolha desse gênero específico.

Para conhecer os detalhes da participação do B.O. no PParalelo Live Sessions, acionamos o próprio MC.

Per Raps: Primeiro, como surgiu o convite?
Max B.O.: O pessoal da Pparalelo me procurou, primeiro via internet, depois marcamos uma reunião. Eu ainda não tinha conhecimento do trabalho, mas cheguei lá, curti os videos já feitos e pirei.

Per Raps: Como foi mandar um rap inspirado em um som de Chitãozinho e Xororó? 
Max B.O.: “Saudades da Minha Terra” é uma musica que gosto há muito tempo, uma musica da minha infância, que o pessoal cantava quando tinha moda de viola no Bar do Zé Baixinho (pai do Max). Eu nunca soube a letra inteira, direitinho, foi também uma ótima oportunidade, pra decorar a letra e agradecer ao Chitãozinho e Xororó por uma musica que faz parte da história de muitas pessoas no Brasil.

Per Raps: O que Max B.O.anda fazendo, além da apresentação do Manos e Minas?
Max B.O.: Aguardando a chegada da FumaSomVol.1 da fábrica, separando repertório de um trabalho de samba, entre outras fitas…

Sacou? Agora aperte o play e confira o resultado da session.

MAIS: Outros vídeos da PParalelo Live Sessions
          O encontro de Max B.O. e Beto Barbosa