“Isso é a reforma agrária da música brasileira, porra!"